Jornal para a Escola
Jornal do Curso de Pedagogia Newton Paiva
Pesquisa

Projetos Educacionais Importância e Benefícios
Por Escola Integrada (Professora), em 2016/03/1211478 leram | 1 comentários | 87 gostam
O trabalho com projeto oferece inúmeros benefícios para a comuidade acadêmica. Na escola aumenta a participação dos alunos, reduz a evasão escolar, estimula a capacidade de aprendizagem cooperativa e melhora o desempenho escolar.
O planejamento é algo extremamente importante em nossas vidas, seja pessoal ou profissional. Até para realizar as atividades do dia a dia é necessário um certo planejamento. Não seria diferente dentro do campo da atividade educacional. Um professor, por exemplo, quando vai para a sala de aula precisa ter em mente um planejamento, precisa de um plano, pois ele não pode simplesmente chegar em frente a classe, e naquele momento, pensar o que será a aula daquele dia, o que ele pretende com aquela aula, quais os objetivos ele quer alcançar, etc.
     Projetos educacionais são atividades organizada com o objetivo de resolver um problema. Toda escola tem objetivos que deseja alcançar, metas a cumprir e para isso elas lançam mão dos projetos educacionais. Projetos são ações concretas a serem executadas, necessárias ao processo de ensino-aprendizagem. Essas ações tem como objetivos o desenvolvimento da autonomia intelectual do aluno, o desenvolvimento da organização individual e coletiva, a capacidade de tomar decisões e fazer escolhas.
     O trabalho com projetos educacionais propicia a atividade coletiva e cooperativa, permitindo ao aluno vivenciar múltiplas relações reais para firmar-se como sujeito. O resultado de um projeto educacional proporciona ao aluno vivenciar, por exemplo, a experiência positiva do confronto com o outro, saber se comprometer com suas decisões e suas escolhas, saber planejar suas ações, ou seja, um projeto educacional tem por finalidade fazer com que a criança aprenda a assumi responsabilidades, ser agente de seu aprendizado produzindo algo com sentido, compatível e viável a sua realidade. Essas ações permitem que a criança construa e dê sentido à sua criatividade, pois elas proporciona uma situação real de vivencia através da experiência. Um bom projeto educacional requer planejamento. Ele deve ser planejado e discutido entre os envolvidos, requer investimento, pesquisa, estudo, etc. Sendo necessário, poderá sofrer adaptações no decorrer da sua construção ou aplicação para se adequar as necessidades reais. O projeto educacional geralmente é constituído por uma estrutura que abrange:

- Objetivos: quando iniciamos um projeto educacional, precisamos pensar no objetivo(s). É nessa fase do projeto que precisamos pensar no que queremos conseguir, quais resultados queremos alcançar;
- Justificativa: é a introdução do projeto. Nessa fase deve-se deixar claro o(s) motivo(s) que o fez levar ao desenvolvimento de tal projeto, quais as razões para tratar da questão proposta e quais as suas perspectivas em relação ao projeto.
- Localização: a localização diz respeito ao lugar onde as atividades propostas no projeto ocorrerão. É preciso ter em mente a estrutura física, pois não necessariamente as atividades acontecem sempre dentro de um ambiente escolar, de uma sala de aula;
- Cronograma: não se pode propor um projeto educacional sem ter em mente um tempo determinado, é preciso quais ações ou atividades serão implementadas, quando acontecerá cada atividade, quanto tempo ela deverá durar e em qual fase do projeto deverá ser aplicada. No entanto, a duração pode ser relativa, o prazo é determinado mas não fixo.
- Metodologia: a metodologia é a descrição das circunstâncias de cada atividade. A metodologia de um projeto educacional, diz de forma detalhada, por exemplo, como o professor irá trabalhar as atividades propostas.
- Recursos humanos: os recursos humanos diz respeito as pessoas que irão fazer parte do projeto e qual a sua habilitação;
- Recursos financeiros e físicos: todo projeto educacional exige investimento, seja financeiro ou pessoal. Nesta etapa do projeto precisamos dizer sobre o orçamento;
- Critérios de eficiência: descreverá o resultado que seria aceitável como consequência da execução do projeto.

                                     
BENEFÍCIOS PARA O ALUNO
1. Os alunos aprendem a trabalhar em equipe, e serem solidários uns com os outros.
2. Com os métodos alternativos de avaliação, o aluno é avaliado pela participação e interesse pelas atividades e não apenas pela nota obtida na prova escrita, pois muitos alunos são prejudicados pelo nervosismo.
3. Maior interação entre alunos.
4. A iniciativa pela busca de informações.
5. Estimula a criatividade.
6. Aumenta a autoconfiança
7. Ganhos acadêmicos com alunos mais envolvidos assumindo mais responsabilidade sobre seu próprio aprendizado em relação com as atividades tradicionais em sala de aula.
8. Oportunidades de desenvolver habilidades complexas como: resolução de problemas, colaboração e comunicação.
9. Acesso a uma variedade maior de chances de aprendizagem em sala de aula, criando uma oportunidade para a participação dos alunos.


BENEFICIOS PARA O PROFESSOR
1. Formação de equipe
2. Solidariedade com o próximo
3. Ajustes no projeto
4. Planejamento adequado
5. A execução do trabalho é feita com mais entusiasmo
6. Conhecer os recursos para executar os trabalhos com confiança mutua
7. Existência de um ambiente de cooperação.
8. Oportunidades de aprendizagem para a turma
9. Reconhecer situações que dão origem a bons projetos
10. Reconhecer os problemas como oportunidades de aprendizagem.


BENEFÍCIOS PARA A COMUNIDADE ACADÊMICA
1. Colaborar com colegas para desenvolver projetos
2. Gerenciar o processo de aprendizagem.
3. Produção e encerramento das atividades
4. A importância de todas as funções
5. Desenvolver avaliações originais
6. Com todas as informações pode propor objetivos, metodologias, escolhendo os recursos adequados, os instrumentos e critérios de avaliação para aula que pretende planejar e desenvolver com segurança.
7. Valoriza a produção discente e docente.
8. Organização as metas são alcançadas
9. Repasse de conhecimento das lições aprendidas traz força e União para a Organização.
10. Criam o processo que levará a uma solução.
11. Equipe de apoio e logística
12. Visão do todo – todos participam

    Trabalhar com projetos significa uma transformação para os alunos, na qual eles deixam de seguir ordens e passam a executar atividades de aprendizagem direcionadas por eles mesmos; deixam de memorizar e repetir e passam a descobrir, integrar e apresentar; deixam de ouvir e reagir e passam a comunicar e assumir responsabilidades; não se trata só do conhecimento de fatos, termos e conteúdo, mas sim de compreender os processos; passam da teoria à aplicação da teoria.
     Em consideração a comunidade educativa, escola, sua função social é ensinar, portanto, devemos construir um projeto que esteja em conformidade com a realidade social do sujeito, mas que tenha um currículo estruturado, flexível, e aberto, capaz de oferecer as competências necessárias para que esse sujeito possa atuar como sujeito de sua própria história. Aprendendo a ser, a conviver, a fazer e a conhecer. Os professores precisam de organização e cooperação, precisam ter capacidade e conhecimento para superar os desafios iniciais, por exemplo uma equipe de apoio e logística pode ajudar criando cronogramas mais flexíveis, como calendários ou horário para planejamento em equipe, pode oferecer aos professores oportunidades de desenvolvimento profissional.
     Para que um projeto educacional seja bem sucedido é necessário observar atentamente todas as suas etapas para que não haja falhas no que diz respeito aos objetivos que se pretende alcançar. No entanto, é importante lembrar que não existe um projeto educacional ideal, pois ele precisa estar necessariamente em transformação, ser flexível, estar em adequação a realidade em que ele está inserido. Um bom projeto precisa estar articulado, precisa ser discutido com os demais participantes. A sua condução deve envolver operações essenciais para aquisição do saber, gerando uma transformação qualitativa e quantitativa no desenvolvimento do aluno tanto na parte cognitiva quanto social, o trabalho com projetos educacionais envolve uma série de ações que devem alcançar as metas estipuladas. Pensar em projetos educacionais como prática pedagógica é pensar não só no trabalho do professor, como também no aluno. Um projeto pedagógico para sala de aula, por exemplo, deve visar o aprendizado do aluno. O professor como mediador deve garantir que o aluno entenda aquilo que está sendo proposto para que ele faça ligações com outros campos de conhecimento. Um bom projeto educacional muda a postura do professor diante dos alunos, ele passa a ser o mediador no processo de ensino-aprendizagem através de atividades bem elaboradas, que façam sentido tanto para ele quanto para o aluno, deixando assim de ser apenas um transmissor de informações.
     Vale lembrar que o trabalho de um pedagogo e um projeto educacional não se limita a escola. Por causa dos seus conhecimentos adquiridas durante sua formação no que diz respeito aos aspectos sociais, psicológicos e culturais, ele adquiriu a habilidade de trabalhar em espaços não escolares. São muitas as possibilidades de trabalho de um pedagogo, como por exemplo em bibliotecas, hospitais para trabalhar com as crianças internadas por longos períodos impossibilitadas frequentar a escola, no recursos humanos de uma empresa, hotéis, clubes com atividades recreativas, et. A aprendizagem, muito valorizada pela sociedade, pode acontecer em qualquer ambiente e o pedagogo é o profissional habilitado esse acompanhamento. Mesmo fora da escola, o pedagogo precisa de um projeto pedagógico, de um plano para definir as técnicas mais adequadas a seu propósito, assim como eu faz dentro da escola.


Comentários
Por Marcos Vinicius de Castro Souz (Leitor do Jornal), em 2016/03/14
Ótimo texto! Como em outras profisões, a do professor pede por constante atualização e, projetos inovadores são ferramentas imprescindíveis para alunos que vivem em constante inserção tecnológica e tem a concentração como obstáculo do dia-a-dia.

Escreva o seu Comentário